Como montar um restaurante self-service?

Se você possui aptidão para a cozinha ou gosta deste ambiente para exercer algum tipo de trabalho, pode já ter passado pela sua mente a ideia de abrir o seu próprio restaurante. Veja como montar restaurante self-service .

Mas, apesar de um restaurante ser uma empresa assim como outra, é preciso se atentar a alguns detalhes no momento de sua abertura que podem fazer toda a diferença para o sucesso de seu negócio.

É muito comum ter algumas dúvidas durante o processo de abertura de uma empresa e, para entender todos os passos de como montar um restaurante self-service, continue lendo a seguir e conte com dicas importantes para se tornar um empreendedor.

O que é necessário para montar um restaurante self-service?

Montar o seu próprio negócio pode ser algo desafiador, pois envolve muita disposição e organização. Mas, no caso de um restaurante, é preciso ainda buscar estratégias que contribuam para que a sua empresa tenha sucesso.

Por isso, é muito importante contar com um cronograma, com prazos e datas estipuladas, para que nada se atrase ou seja esquecido no meio do seu caminho.

Normalmente, para que a ideia de montar um restaurante saia do papel, é preciso pensar em um local adequado, no cardápio que será oferecido, em todos os produtos que farão parte de seu estoque, a decoração, a equipe e muito mais.

Para entender melhor, confira a seguir um passo a passo completo sobre como abrir o seu restaurante self-service:

  • Desenvolva um plano de negócio

Um bom plano de negócio é essencial para qualquer tipo de empresa, sendo muito importante para a organização de todas as metas e objetivos.

É essencial no começo de um negócio delimitar as principais atividades, quais serão os propósitos de sua empresa, as responsabilidades com a sua empresa.

Outro ponto muito importante é alinhar todo o investimento disponível junto ao necessário, para entender quais serão os gastos com a sua empresa e se realmente os valores condizem com a realidade de suas ideias.

Um plano de negócio bem estruturado é a base principal para que a sua empresa possa dar andamento nos passos seguintes.

  • Escolha uma localização que seja boa para a visibilidade de seu restaurante

Uma boa localização é essencial para o seu restaurante, principalmente no sentido de sua visibilidade.

Além disso, um imóvel bem estruturado é capaz de oferecer mais conforto e acesso para os seus clientes, garantindo que o seu negócio seja mais atrativo para as suas vontades.

Mas, para entender qual o melhor local para o seu negócio, primeiro é preciso entender qual é o seu público alvo e, com isso, focar a aparência de sua empresa nas preferências de seus clientes.

  • Planeje toda a estrutura de seu negócio

A estrutura de seu restaurante deve ser planejada com muita atenção. Mas, apesar disso, os seus detalhes não são considerados muito complexos.

É essencial que o restaurante conta com um salão amplo, para que os seus clientes possam fazer todas as suas refeições.

Além disso, os banheiros devem ser de livre acesso, atendendo todas as principais necessidades de seu público.

É muito importante contar ainda com um estoque completo e uma cozinha que funcione dentro dos padrões de higiene determinados, para que a preparação de todos os alimentos seja a melhor possível.

  • Equipe necessária para o funcionamento do restaurante

Cada tipo de restaurante conta com uma equipe para compor seu quadro de funcionários, de acordo com as suas principais exigências.

Mas, no caso de um restaurante self-service, é possível ter uma equipe mais reduzida, o que permite que até o próprio investimento inicial para este formato de negócio seja menor.

Neste sentido, é possível contar com garçons, auxiliar de cozinha, cozinheiro, atendentes, auxiliares de limpeza e um gerente.

Cada negócio possui um quadro de funcionários compatível com o seu tamanho, portanto, isto poderá variar de acordo com o porte do restaurante.

  • Escolha qual será a especialidade de seu restaurante

Os restaurantes self-service são conhecidos principalmente pela sua grande variedade, que permite que a sua marca registrada seja firmada.

Por isso, é preciso escolher produtos que tenham a ver com a identidade do restaurante, garantindo ainda que a sua origem seja sustentável e consciente.

O estoque deve estar sempre em harmonia com o seu cardápio, para garantir que as compras para o seu restaurante não tragam nenhum tipo de prejuízo.

Neste sentido, uma boa dica é contar com fichas técnicas como principal ferramenta de padronização. Ou seja, através delas, é possível contar com diversos tipos de receitas detalhadas e informações essenciais sobre os pratos, o que pode contribuir de maneira considerável para que as porções sejam definidas.

É preciso ainda estar sempre atento aos preços, para investir em produtos mais em conta, que possam trazer qualidade e aumentar ainda mais os lucros de seu negócio.

  • Busque por maneiras estratégicas para a distribuição de seus serviços

Se o seu restaurante atender os principais requisitos, oferecendo uma equipe apta para atender seu público é um local de referência, certamente seus clientes irão visitar o local para conhecer mais sobre os serviços oferecidos.

Por isso, é essencial pensar na forma de distribuição de atendimento, para garantir que a necessidade de seus clientes seja atendida da melhor forma possível.

Por exemplo, no caso de um restaurante que atenda uma área empresarial ou comercial, é interessante pensar em uma forma de atender todos os horários, garantindo atendimento presencial e delivery para os seus clientes.

Essa é uma maneira de garantir uma distribuição mais completa, obtendo uma maior cobertura de um público em potencial.

Saiba quais são as vantagens de abrir um restaurante self-service

Abrir seu próprio restaurante pode ser algo menos descomplicado do que você imagina, principalmente devido ao seu investimento, que pode ser ainda menor que os outros formatos de negócio.

Ou seja, pensar por este lado, abrir um restaurante self-service significa ter um negócio de custo menor que os demais e, além disso, é investir em uma empresa que tenha uma grande rotatividade de clientes em seu dia a dia.

Outro fator importante, que deve ser considerado, é um menor tempo de espera até que seu estabelecimento esteja funcionando completamente, gerando lucros.

Os produtos oferecidos em seu restaurante podem ser de melhor qualidade, ainda que o valor seja inferior aos outros, o que permite que o seu lucro seja ainda maior.

Tenha um bom planejamento para o seu negócio

Um bom planejamento é essencial para qualquer tipo de negócio e, por isto, é essencial desenvolver um plano de negócio que seja compatível com a realidade de sua empresa e todos os seus objetivos.

Um bom plano de negócio pode ser considerado o principal guia para direcionar a sua empresa aos seguintes passos que serão dados.

Por isso, é muito importante incluir todas as informações principais sobre a sua empresa, principalmente as financeiras, para que os seus objetivos e prazos para que os resultados buscados sejam alcançados com sucesso sejam estipulados.

Além disso, dentro de seu plano de negócio deve estar também todo o planejamento sobre o pagamento de sua equipe de colaboradores, a manutenção dos equipamentos, controle dos produtos presentes em seu estoque e todos os outros pontos que devem estar contabilizados dentro da abertura de sua empresa.

Ter uma boa reserva de caixa é essencial, principalmente para quem está começando com o seu novo negócio e abrindo seu restaurante self-service.

Normalmente, o valor presente dentro deste recurso deve ser utilizado para cobrir os gastos mensais de seu restaurante, como uma reserva de emergência, podendo salvar seu negócio em algum mês que suas ações estejam no vermelho.

Saiba como legalizar o funcionamento de seu restaurante

Antes mesmo de abrir o seu restaurante self-service, é muito importante entender como deixar seu negócio dentro das normas exigidas pela lei.

O início de seu negócio poderá servir para entender como será a estruturação de seu restaurante e, este passo certamente não pode ser deixado para ser feito em outro momento.

É preciso garantir que toda a papelada esteja em dia, para garantir que sua empresa não terá problemas futuros ou no momento de sua abertura.

Mas, para entender como começar a providenciar a documentação necessária para o funcionamento de seu negócio, confira a seguir alguns dos principais documentos essenciais para este momento:

  • Registro na Junta comercial do estado;
  • Inscrição estadual;
  • Auto de vistoria do corpo de bombeiros;
  • Alvará de localização e funcionamento;
  • Procedimentos operacionais padronizados;
  • Certificado de limpeza e desinfecção dos reservatórios de água;
  • Certificação do responsável técnico.

Estes são apenas alguns dos principais documentos exigidos para o momento da abertura de uma empresa. Mas, para saber mais sobre os seus principais requisitos e documentações, o ideal é buscar pela prefeitura de sua cidade e entender o que é de fato exigido neste momento.

Dessa forma, é possível coletar as principais informações sobre a regularização de sua empresa e quais são as instituições que precisam ser contatadas neste momento.

Pratos que não podem faltar em um self-service

Como vimos, é essencial planejar o cardápio de seu restaurante, para garantir que os seus clientes contem com uma grande variedade de pratos que atendam suas expectativas.

Este formato de atendimento é muito conhecido pela sua diversidade, capaz de  atender os gostos de diferentes tipos de públicos.

Normalmente, os principais tipos de opções que podem ser vistas em  um restaurante self-service são:

  • Arroz branco;
  • Arroz com complementos;
  • Feijão;
  • Feijoada;
  • Carne de panela;
  • Macarrão de diferentes tipos;
  • Peixe empanado;
  • Couve refogada;
  • Farofas;
  • Saladas de diferentes tipos;
  • Salada de maionese;
  • Refogado de abobrinha ou cenoura;
  • Frango grelhado;
  • Molho vermelho.

Estes são apenas alguns exemplos dos tipos de comidas mais populares que podem ser vistas dentro deste formato de restaurante.

Mas, apesar disso, é possível usar a criatividade no momento da montagem de seu cardápio, incluindo o tipo de comida que mais seja compatível com o formato de seu restaurante.

Existem até mesmo aqueles estabelecimentos que oferecem comida japonesa em seu cardápio, onde os clientes podem se servir à vontade.

Uma boa ideia é trazer para os seus clientes diferentes tipos de carnes, principalmente devido ao seu peso e às preferências das pessoas.

Quando um cliente escolhe um prato com muitos tipos de carne ou uma grande quantidade, o seu prato será mais pesado e, com isto, mais caro. Essa é uma ótima forma de lucrar ainda mais no seu dia a dia.

Porém, não se esqueça dos seus clientes que não consomem carne, investindo em alimentos que sejam veganos. Este, certamente, será um grande diferencial de seu restaurante, que poderá buscar uma forma de atender os seus clientes de forma completa.

Ofereça um atendimento de qualidade

Além da versatilidade e variedade de seu cardápio, os clientes buscam por uma boa experiência de forma completa, para garantir que a sua refeição seja feita da melhor maneira possível.

Por isso, é essencial buscar por uma equipe que esteja apta a atender seus clientes com alegria e sempre com muita educação.

Dessa forma, saiba como distribuir as funções de sua equipe de forma eficiente, para garantir que cada funcionário tenha a sua ação bem definida e não se sinta sobrecarregado.

Quando os colaboradores se sentem felizes dentro de seu trabalho, com certeza o atendimento será ainda melhor e, consequentemente, os seus clientes poderão contar sempre com uma boa experiência.

Abrir um restaurante self-service pode ser algo desafiador, principalmente devido aos detalhes que fazem com que o seu atendimento seja o melhor possível.

E, por isto, é muito importante contar com todos os passos listados acima, desenvolvendo um bom plano de negócio para garantir que os seus objetivos sejam preparados e removidos do papel.

Dessa forma, ficou ainda mais fácil abrir seu próprio negócio e investir em sua carreira, para lucrar com aquele formato de empresa que você mais gosta.

Não perca mais tempo e monte agora mesmo o planejamento de seu próprio negócio, para abrir o seu restaurante self-service dentro das exigências e das normas exigidas pelos órgãos de fiscalização, obtendo sucesso em seu formato de negócio.

Photo of author

Escrito por:

Equipe BemSucedida