Como abrir uma esmalteria?

Se você é um profissional que atua no ramo da beleza e deseja começar a trabalhar por conta própria, é preciso entender como se tornar um empreendedor, para saber como investir em uma esmalteria.

Além disso, investir em seu próprio negócio dentro do mundo da beleza é uma ótima decisão, já que este ramo tem se tornado cada vez maior, principalmente de acordo com os dados divulgados pela Associação Brasileira das Indústrias de Higiene Pessoal, Perfumaria e Cosméticos.

Mas, apesar de haver este crescimento gritante, principalmente nas esmalterias, muitas pessoas ainda deixam de lado a necessidade de regularizar o seu negócio, pois não sabem como desfrutar dos benefícios que isto pode lhes proporcionar.

Para entender melhor como abrir uma esmalteria, para contar com todas as vantagens de ter o seu próprio negócio, continue lendo a seguir e entenda todo o seu passo a passo.

O que fazer para abrir uma esmalteria?

O primeiro passo para abrir sua própria esmalteria, é entender qual é a diferença entre este e outros negócios que estão dentro deste nicho, como a esmaltaria e o salão de beleza.

Como o seu próprio nome diz, o salão de beleza é um local de atendimento que oferece diferentes tipos de serviços para os seus clientes, voltados para a promoção de suas autoestimas, podendo ser cortes de cabelo, pintura, maquiagem, hidratação capilar e da pele, massagem corporal, pedicure e manicure, depilação, entre outros tipos de serviços.

Mas, no caso da esmalteria, este tipo de negócio é voltado para um local onde profissionais especializados cuidam das unhas de seus clientes, esmaltando e até mesmo vendendo produtos para estes tipos de cuidados.

Portanto, se você é um destes profissionais e quer abrir um local especializado apenas em sua forma de atuação, oferecendo serviços exclusivos de pedicure e manicure, é preciso entender como abrir a sua esmalteria.

  • Primeiro tenha um plano de negócio

O plano de negócio é o primeiro passo para um empreendedor começar a colocar em prática todo o seu sonho de abrir a sua própria empresa ou qualquer outro tipo de empreendimento.

E, por isto, para a abertura de uma esmalteria, isto se torna essencial, para que todos os passos sejam seguidos e vistos com clareza em todos os momentos.

Este plano de negócio é o nome dado para um documento que é utilizado para deixar todas as informações sobre a sua empresa registradas de forma oficial.

Dessa forma, o empreendedor consegue se notar e entender quais serão as ações necessárias para que o seu projeto possa finalmente sair do papel, com todas as suas ações colocadas em práticas da melhor maneira possível.

Um plano de negócio de referência deve ser formado por alguns determinados elementos, como:

  • Análise deste nicho de mercado;
  • Análise da atuação de seus concorrentes;
  • Análise dos principais fornecedores para que o seu trabalho possa ser desenvolvido da melhor forma possível;
  • Descrição completa de sua empresa, contando com os principais objetivos do empreendedor, qual o seu diferencial dentro deste mercado, os produtos e serviços que serão oferecidos e todas as suas outras principais características que complementam este tipo de negócio;
  • Plano para a formação de seu marketing;
  • Plano financeiro;
  • Plano operacional;
  • Saiba qual será o seu público alvo

Em toda abertura de empresa, é essencial entender qual é o seu público alvo e, isto se faz necessário principalmente no caso de uma esmalteria.

Portanto, é preciso que o empreendedor entenda neste momento quais são as mulheres que serão atendidas, suas preferências e a sua faixa etária.

Além disso, é possível ainda oferecer serviços para situações pontuais e específicas, como casamentos, por exemplo. Neste caso, é preciso trazer um diferencial, para que uma noiva escolha sua empresa para compor o time de profissionais dentro de seu dia da noiva.

É preciso pensar ainda quais serão as especialidades de sua empresa. Como, por exemplo, se a sua esmalteria é especializada em aplicações mais simples, unhas de gel, decoradas ou outros tipos.

  • A escolha do local para o funcionamento de sua empresa

O local de instalação também é algo essencial, que deve estar entre os primeiros passos de seu planejamento para a sua empresa. E, neste sentido, é preciso levar em conta se, para a sua realidade, é interessante um lugar físico ou um atendimento em casa.

Para os casos em que a empresa possui um espaço físico, é possível ainda contar com o apoio virtual, utilizando a internet como apoio para montar sua divulgação ou até mesmo uma loja virtual, por exemplo.

Essa é uma ótima maneira de mostrar aos seus clientes e para o público alvo mais sobre o seu trabalho, sobre as unhas que são feitas por você e qual o seu diferencial.

Mas, quando você conta apenas com a internet para criar a sua empresa, é possível contar com a sua loja virtual como principal meio para a divulgação de seus esmaltes. Além disso, para os profissionais que vão até seus clientes, a internet pode ser o principal recurso para agendar os seus atendimentos.

  • É preciso pensar em toda a infraestrutura de seu trabalho

Depois de entender quais são os passos para tirar o seu sonho de ter a própria esmalteria do papel, é preciso compreender qual a infraestrutura necessária para analisar o investimento real para este tipo de negócio.

Independente de qual seja o formato de seu negócio, é preciso ter em mente que alguns equipamentos são essenciais para a realização deste formato de trabalho, sendo eles:

  • Espátulas de unhas;
  • Alicates de cutículas;
  • Cortadores de unhas;
  • Luvas;
  • Lixas;
  • Palitos para remover o excesso de esmalte;
  • Diversos tipos de esmaltes diferentes;
  • Algodão;
  • Esterilizadores;
  • Toalhas;
  • Acetona
  • Outros.

De acordo com a Lei nº 12.592, do dia 18 de janeiro de 2021, todas as esmalterias presentes em território brasileiro devem contar com o  uso de equipamentos esterilizadores, bem como outros locais que atuam no nicho da beleza e que contem com profissionais cabeleireiros, manicure, esteticistas, depiladoras e pedicure.

De acordo com o 4º artigo desta lei, fica determinado que:

Os profissionais de que trata esta Lei deverão obedecer às normas sanitárias, efetuando a esterilização de materiais e utensílios utilizados no atendimento a seus clientes”.

  • Escolha a sua equipe e decida quais serão os profissionais que farão parte dela

É muito importante entender como será a sua empresa e se você terá que contar com uma equipe, antes mesmo de obter o seu CNPJ.

Isto porque, o tamanho de sua empresa e a quantidade de funcionários que irão compor a sua equipe de colaboradores tem um impacto direto na natureza jurídica de todo o seu negócio.

Cada tipo de empresa oferece requisitos diferenciados como, por exemplo, o MEI, que permite que apenas uma pessoa faça parte das ações da empresa.

Mas, apesar disso, caso ocorra o crescimento de sua empresa, havendo a necessidade de ampliar a sua equipe, saiba que é possível contratar outros colaboradores, mudando o sistema de seu negócio de MEI para ME.

  • Entenda qual é o modelo empresarial de seu negócio

O modelo empresarial precisa ser definido logo no início de seu negócio, pois ele será o responsável por determinar qual será a sua natureza jurídica, o regime de tributação, limite de faturamento e outros fatores muito importantes que envolvem a abertura de uma empresa.

Para entender melhor, confira alguns modelos empresariais e suas características principais:

  • MEI: modelo específico para as empresas que possuem um faturamento de R$ 81 mil anual;
  • Eireli: as empresas que possuem este modelo costumam faturar anualmente R$ 4,8 milhões, contando ainda com um capital social de 100 salários mínimos, sendo apresentados na abertura de seu negócio;
  • Sociedade Limitada Unipessoal, SLU: o faturamento anual é semelhante ao formato Eireli, mas, este formato conta com uma pequena diferença, não exigindo Capital Social.

Qual é o investimento necessário para abrir a sua própria esmalteria?

Depois de compreender quais são os passos para abrir a sua própria empresa e conhecer melhor os modelos empresariais, é preciso entender qual é o investimento necessário para que a sua ideia finalmente saia do papel.

Normalmente, o valor de investimento inicial poderá depender de alguns pontos muito importantes, que poderão definir o formato de sua empresa, como:

  • Qual será o tamanho de sua empresa;
  • Infraestrutura;
  • Qual será o tamanho de sua equipe de colaboradores;
  • Quais serão as suas despesas fixas mensais?

Para ter uma idéia completa sobre os principais gastos, de acordo com levantamento realizado por especialistas, normalmente uma esmalteria completa necessita de um valor inicial de R $3 mil, para as pessoas que optam pelo formato MEI.

Normalmente, as empresas que se encaixam dentro da classificação de estética e beleza são consideradas as que necessitam de um menor investimento para que possam começar a funcionar.

Uma esmalteria que venha a partir de uma franquia pode ser aberta a partir de R $7 mil.

Mas, além de todo este investimento, é preciso ainda levar em conta todos os valores que serão gastos no momento de legalizar a sua empresa. E, neste sentido, levando em conta todos os processos que são exigidos para que uma empresa seja aberta no Brasil, é preciso considerar o valor médio de R $1,5 mil.

Qual é o retorno de seu investimento em sua empresa de esmaltaria?

Ao abrir uma empresa, certamente uma das principais questões é o lucro mensal que o empreendedor terá depois de todo o seu investimento.

Normalmente, no caso de uma esmaltaria, o lucro mensal pode estar diretamente ligado ao seu tamanho e ao número de clientes que são atendidos mensalmente.

Neste caso, depois de considerar todos os fatores relevantes para o seu negócio, é possível levar em conta que o retorno médio será de R $2 mil a R $20 mil para a sua esmaltaria.

Este cálculo pode ser feito a partir de uma base, onde o valor das despesas fixas é subtraído do faturamento bruto. As despesas fixas são energia elétrica, aluguel, pagamento de todos os colaboradores, impostos, fornecedores e outros que devem ser considerados para este momento.

Quais são os serviços que podem ser oferecidos em uma esmaltaria?

Para abrir a sua própria empresa de esmaltaria, é essencial entender quais são os serviços oferecidos dentro deste formato de negócio.

Normalmente, os serviços que são oferecidos são fatores importantes para definir qual será o retorno de sua empresa. E, para entender melhor, podemos dividir estes serviços em suas categorias:

  • Básico

Dentro do serviço básico de uma esmaltaria, é possível trazer algumas atividades como a esmaltação, as unhas artísticas (com desenhos e artes mais elaboradas), unhas que contam com um efeito especial, francesinha, inglesinha e serviços de cuidados com os pés.

  • Especializados

Os serviços especializados oferecidos por uma esmaltaria podem ser considerados os grandes diferenciais deste tipo de empresa.

Normalmente, eles são as unhas de gel, unhas de porcelana, unhas que são feitas a partir de uma estrutura de fibra de vidro, stiletto, blindagem e até mesmo unhas infantis.

Como é possível regularizar uma empresa de esmaltaria?

Depois de entender todos os passos práticos para abrir a sua própria esmalteria e realizar o seu sonho de se tornar um empreendedor, é muito importante saber como regularizar a sua empresa.

Mas, antes de abrir o seu negócio, é essencial entender quais são os formatos disponíveis e escolher aquele que mais se adeque com a sua realidade de empreendedor:

  • Entenda qual o tipo de empresa, podendo ser MEI, ME, EPP, Empresa de Grande ou Médio Porte;
  • Escolha o seu regime jurídico, como LTDA, EI ou Eireli.
  • Entender e escolher o melhor regime tributário. No caso de uma empresa de esmaltaria, o empreendedor pode escolher o seguimento de tributação de um salão de beleza, utilizando o Simples Nacional;
  • Definir qual será a sua Classificação Nacional de Atividades Econômicas, CNAE;
  • Providenciar todas as licenças e alvarás necessários para que a sua empresa funcione de acordo com as normas específicas exigidas pelos órgãos de fiscalização, como a vigilância sanitária e a AVCB;
  • Fazer o registro de sua empresa na Junta Comercial.

Uma esmalteria pode ser uma ótima ideia de negócio, principalmente devido a popularidade que as empresas do ramo da beleza tem ultimamente.

Mas, antes mesmo de abrir a sua própria empresa, é essencial buscar os passos necessários para que as suas ideias saiam do papel de forma correta.

É preciso estudar muito bem o nicho de atuação para este formato de negócio, assim como as preferências de seus clientes em potencial e a atuação de seus concorrentes, para que a sua empresa possa se tornar um grande destaque em sua forma de atuação.

Depois de entender e conhecer bem todos os passos listados acima, não perca mais tempo e abra a sua esmalteria de acordo com todas as exigências legais, contando com o retorno de sua própria empresa, se tornando um empreendedor de sucesso.

Photo of author

Escrito por:

Equipe BemSucedida